quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Strogonoff de Frango com Ketchup Heinz


Essa receita que utiliza poucos ingredientes é muito rápida, fácil e extremamente deliciosa. Como tudo o que é fresco nos EUA é mais caro, resolvi substituir o tomate pelo ketchup. Eu escolhi a marca Heinz porque adoro a textura do ketchup e o seu sabor apimentado. Mas você pode escolher a marca que preferir.

Ingredientes:
- 500g de frango sem pele picado em cubos
- 1 cebola media picada
- 3 dentes de alho picados
- 1 lata de creme de leite
- 1 colher (sopa) de azeite
- 1 copo de cogumelos picados
- 4 colheres (sopa) de ketchup Heinz
- sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:
Tempere o frango com sal e pimenta e frite-o em uma panela juntamente com o azeite até que fique bem dourado. Adicione o alho e a cebola e frite por mais 2 minutos. Acrescente o creme de leite, os cogumelos e o ketchup e mexa por 2 minutos em fogo baixo. Prove o strogonoff e tempere conforme o seu gosto. Para acompanhar sugiro o tradicional arroz branco e batata palha.

Tempo de preparo: 30 min.

Quantidade: serve 3 pessoas.

_______________________________


Ingredients:
- 500g of chicken without skin chopped into cubes
- 1 medium chopped onion
- 1 tablespoons of chopped garlic
- 1 little box of milk cream
- 1 olive tablespoons
- 1 cup chopped mushrooms
- 4 tablespoons Heinz Ketchut
- Salt and pepper

Preparation:
Season chicken with salt and pepper and fry it in a pan with olive until it turns golden brown. Add garlic and onion and fry for another 2 minutes. Add the milk cream, mushrooms and ketchup and stir for 2 minutes on low heat. Try the stroganoff and season to your taste. I suggest you eat the strogonoff whit rice and potatoes chips.

Preparation time: 30 minute.

Quantity: for 3 people.

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Blueberry Muffin



















Não, eu desisti desse blog. O que acontece é que me mudei para os EUA há quase 2 meses e ainda estou em período de adaptação. Ainda não consegui cozinhar muito aqui porque, na maioria das vezes, a comida já vem pronta. Esse é o jeito de "cozinhar" dos americanos: coloque uma caixa no microondas e sirva quando o alarme apitar. O que no Brasil é rotina, como cortar tomates para fazer um molho, para eles é difícil e muitas vezes caro.

Concordo que é bem mais fácil cozinhar do jeito americano. Mas facilidade não é sinônimo de prazer e qualidade. É muito conservante, corante, sódio e gordura e em uma caixa só. E o sabor deixa bastante a desejar, principalmente quando você começa a pensar como o seu organismo vai reagir diante disso.

Ou seja: eu continuo uma slowly-food girl. Prefiro mil vezes usar ingredientes frescos e passar horas na cozinha a me render ao microondas. A cada dia mais me convenço que o resultado final "sabor + saúde" é imbatível.

Essa minha luta por cozinhar dignamente nos EUA eu passo a partilhar com vocês. Bora nadar contra a correnteza!


Ingredientes:
- 1 ovo
- 1 / 4 xícara de óleo
- 1 / 2 xícara de leite
- 1 1 / 2 xícaras de farinha
- 1 / 2 xícara de açúcar
- 2 colheres de chá de fermento em pó
- 1 / 2 colher de chá de sal
- 1 xícara de blueberries* frescas ou congeladas

Modo de fazer:
Pré-aqueça o forno em 400 graus. Em uma tigela misture todos os ingredientes (menos o fermento e as blueberrys).  Mexa bem ou use a batedeira até formar um creme homogêneo. Por fim, acrescente o fermento e as blueberries e com uma colher, mexa tudo devagar e com delicadeza. Usando uma colher de sorvete ou uma colher grande, encha os formas de muffin. Isso irá medir a sua massa igualmente para cada muffin. Encha cada forma um pouco mais da metade. Deixe no forno por 18-20 minutos ou até dourar. Sirva quente e para acompanhar sugiro uma boa taça de café ou chá de hortelã.

Tempo de preparo: 40 minutos.

Quantidade: 12 porções.

* Se você não encontrar blueberrys ou Brasil ou se for muito caro, você pode substituir, tranquilamente, por uvas pretas.

____________________________________________

Ingredients:
- 1 egg
- 1/4 cup oil
- 1/2 cup milk
- 1 1/2 cups flour
- 1/2 cup sugar
- 2 tsp baking powder
- 1/2 tsp salt
- 1 cup fresh or frozen blueberries

Preparation:
Preheat oven to 400 degrees. In a bowl mix all ingredients (except baking powder and blueberrys). Mix well or use an electric mixer until smooth and fluffy. Finally, add the baking powder and blueberries and a spoon, mix everything slowly and gently. Using an ice cream scoop or large spoon, fill the muffin forms. This will measure your weight evenly to each muffin. Fill each somewhat more than half. Leave in oven for 18-20 minutes or until golden brown. Serve hot. I suggest to accompany a nice cup of coffee or mint tea.

Preparation time: 40 minutes.

Quantity: 12 servings.

sábado, 10 de julho de 2010

Pão com Alho


















O famoso pão com alho que, normalmente, acompanha o churrasco de muitos gaúchos pode ser ainda mais saboroso... Confira abaixo:

Ingredientes:
- 6 pães (tipo francês, vulgo cassetinho)
- 2 tomates picados
- 4 dentes de alho picados
- 6 colheres (sopa) de margarina
- 3 colheres (sopa) de orégano
- 4 fatias de queijo mussarela picadas
- sal a gosto

Modo de fazer:
Misture todos os ingredientes, menos os pães, formando uma pasta. Abra os pães e espalhe uma quantidade generosa desse patê dentro de cada um deles. Coloque os pães no espeto e leve até a churrasqueira. Deixe no fogo até que fiquem levemente torrados e que o queijo esteja derretido.

Quantidade: 6 porções.

Tempo de preparo: 30 minutos.

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Potes de Chocolate


















Mais uma receita do Jamie Oliver testada e aprovada. Fácil, rápida e gostosa. Lá vai a receitinha, então, segundo as palavras do mestre, mas com alguns ajustes feitos por mim:

A beleza desta sobremesa é que ela é muito cremosa, suave e saborosa. No entanto, se você quiser deixar a textura mais leve para torná-la mais parecida com uma musse, então siga esta receita, mas adicione cuidadosamente, 2 claras de ovos batidas em neve antes de dividir nos potes. Porções pequenas são a chave - eu geralmente utilizo xícaras de café expresso, já que elas possuem o tamanho ideal. Estes potes de chocolate são brilhantes em jantares de festa, porque você pode prepará-los no dia anterior e deixá-los na geladeira enquanto for preciso.

Ingredientes:
- 280ml de creme de leite light
- 200g de chocolate amargo cortado em pedaços
- 2 gemas de ovos grandes
- 3 colheres (sopa) de conhaque, o melhor que você encontrar
- 20g de manteiga

Modo de fazer:
Em uma panela de fundo grosso, aqueça o creme até quase ferver. Remova do fogo e reserve por 1 minuto antes de adicionar o chocolate. Misture até que ele derreta e fique macio. Então, junte as gemas de ovos e o conhaque, batendo e misturando até obter uma consistência delicada. Deixe esfriar ligeiramente antes de acrescentar a manteiga e mexa até que fique macio. Coloque em potes de porções individuais.

Quantidade: 4 pessoas.

Tempo de preparo: 20 minutos.

terça-feira, 6 de julho de 2010

Fricassê de Frango


















Eu nem gosto muito de fricassê, mas esse é realmente muito bom. Costumo servir ele como acompanhamento de carnes ou massas, mas ele também pode ser degustado com torradinhas, principalmente naqueles dias quentes que não dá vontade de cozinhar. Junte champagne e frutas e você terá uma noite bastante promissora.

Ingredientes:
- 250g de frango temperado e desfiado
- 2 tomates picados
- 1 cebola picada
- 1 molho de salsa e cebolinha picado
- meia lata de milho verde em conserva
- 100g de uva passa
- 3 colheres (sopa) de requeijão
- sal a gosto

Modo de fazer:
Resume-se em 2 palavras: MISTURE TUDO.

Quantidade: se for servido com torradas, serve 2 pessoas.

Tempo de preparo: 20 minutos.

domingo, 4 de julho de 2010

Pastelão de Forno


















Essa receita é muito rápida e fácil de fazer. Ela também tem múltiplas funções... Pode ser o lanche da tarde, a salvação da madrugada ou acompanhada de uma boa saladinha, pode ser o almoço ou a janta.

Ingredientes:
- 1 pacote de massa para pastelão (normalmente uso Pavioli)
- 1 gema de ovo
- 4 linguiças defumadas
- meia cebola
- meio pimentão verde
- 1 colher (sopa) de azeite
- 8 colheres (sopa) de molho shoyo
- sal a gosto

Modo de fazer:
Pique em pequenos pedaços as linguiças e frite-as com o azeite até que fiquem douradas (cerca de 3 minutos). Corte a cebola e o pimentão em pedaços grandes e frite-os com a linguiças por 5 minutos. Junte o shoyo e acrescente também um pouco de água (cerca de 5 colheres de sopa). Atenção: o molho não pode ficar com uma consistência muito líquida, porque se isso acontecer, você terá problemas para fechar o pastel. Então, caso seja necessário, deixe o molho no fogo por mais alguns minutos até que fique mais denso. Feito isso, abra a primeira massa do pastel e derrame no meio dela o molho. Coloque por cima a outra massa do pastel e dobre as bordas para cima, para que o recheio não escorra. Faça alguns furinhos no pastel com um garfo e pincele a gema do ovo por cima da massa para que a mesma fique bem dourada. Leve ao forno na temperatura e durante o tempo indicado no verso da embalagem de massa de pastel.

Quantidade: 6 pedaços grandes.

Tempo de preparo: 30 minutos.

* Receita da Débora.

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Galinhada da Mama


















A Galinhada da minha mãe é o prato mais pedido pela família. Devido a tamanha fama e sucesso, compartilho essa receita com vocês.

Ingredientes:
- 500 de frango (peito e coxa sem pele)
- 1 cebola grande picada
- 1 dente de alho picado
- 3 tomates grandes picados
- 3 colheres (sopa) de pimentão verde picado
- 2 xícaras de arroz
- 2 colheres (sopa) de açúcar
- 2 colheres (sopa) de azeite
- meio molho de salsa e cebolinha picado
- sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:
Em uma panela grande de ferro, queime o açúcar até que ele fique dourado. Adicione o frango, o azeite, o sal e a pimenta e deixe fritar até que os pedaços estejam bem dourados (isso pode demorar um pouco, tenha paciência). Acrescente a cebola, o alho e o pimentão e frite por 5 minutos. Adicione o tomate e deixe tudo fritar por mais 10 minutos. Misture o arroz e água quente suficiente para cobrir os ingredientes. Deixe cozinhar em fogo alto e controle a água (se o arroz ainda estiver duro, adicione um pouco mais de água). Por fim, acrescente o temperinho verde e sirva em seguida. Para acompanhar eu sou a favor de saladas, muitas saladas, como folhas verdes variadas, cebola e tomate.

Quantidade: 4 pessoas.

Tempo de preparo: 1h15.

domingo, 20 de junho de 2010

Feijão Vermelho




















Eu adoro feijão, principalmente o vermelho que é o mais saudável de todos e em minha opinião, o mais saboroso. Essa receita é para o homem descolado que sabe fazer pudim de laranja, mas ainda não sabe fazer feijão. As futuras gerações agradecerão.

Ingredientes:
- 250g de feijão
- meia cebola grande picada
- 1 dente de alho picado
- 2 gomos de lingüiça colonial picado
- 2 colheres de sopa de azeite
- sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:
Lave bem o feijão e se necessário separe os grãos estragados e jogue fora. Depois deixei o feijão de molho em uma bacia com água por cerca de 2h. Isso vai fazer com que o feijão cozinhe mais rápido. Feito isso, coloque o feijão em uma panela de pressão com água e deixe ferver por cerca de 45 minutos. Enquanto isso, coloque em outra panela o azeite e a lingüiça e deixe fritar por 4 minutos. Acrescente o alho, a cebola e deixe fritar por cerca de 3 minutos, cuidando para a cebola não queimar. Adicione essa mistura na panela de pressão depois dos 45 minutos do cozimento do feijão. Prove o feijão e adicione sal e pimenta a gosto. Para ele ficar mais cremoso, sugiro que você esmague alguns grãos usando uma concha ou uma colher grande específica para isso. Se ele estiver muito seco, talvez seja necessário acrescentar um pouco mais de água. Depois desses ajustes, deixe o feijão ferver por mais 15 minutos ou até que os grãos estejam bem macios. Para acompanhar sugiro couve frita, farofa e é claro, o inseparável arroz.

Quantidade:  serve 4 pessoas.

Tempo de preparo: 1h30, em média.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Massa com Costelinha


















Esse é um dos fabulosos pratos da minha "mama". Vai com fé porque em mãe a gente pode confiar.

Ingredientes:
- 2 tomates grandes picados
- 1 cebola média picada
- 1 dente de alho picado
- 2 colheres (sopa) de pimentão verde picado
- 1 colher (sopa) de açúcar
- 3 colheres (sopa) de azeite
- meio pacote de massa rigatoni (costumo usar a Barilla para essa receita)
- 500 gramas de costela magra
- sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:

Coloque bastante água em uma panela grande e deixe ferver. Quando isso acontecer, acrescente 1 colher de azeite, sal e massa e deixe tudo cozinhar, conforme o tempo determinado no verso do pacote. Quando estiver faltando 3 minutos para a massa ficar pronta, escorra a água e junte-a ao molho. Dessa forma, ela absorverá mais o gostinho do molho, enquanto termina de cozinhar em fogo alto.

Molho:
Deixe queimar o açúcar na panela (aqui em casa usamos a de ferro para essa receita) até que ele fique com cor de caramelo - esse processo é muito rápido, cuidado para não queimar. Fazemos isso para que o molho fique com uma cor mais tenra, tipo molho madeira. Acrescente a costela pré-temperada com sal e o restante do azeite e deixe fritar até que a carne fique bem dourada (cerca de 20 minutos). Se for necessário, vire cada pedaço para que ela não queime apenas de um lado. Junte a cebola e o alho e deixe fritar por 1 minuto. Acrescente o tomate, a pimenta e o pimentão e deixe fritar por mais 10 minutos, até que os tomates se desmanchem.

Quantidade: serve 3 pessoas.

Tempo de preparo: 40 minutos.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Pão de Leite























Mais uma receitinha de pão testada e aprovada. Fica a dica para quem tiver tempo e paciência. O ato de  sovar (socar) a massa é praticamente uma terapia, principalmente para "os dias de fúria".

Ingredientes:
- 1 kg de farinha de trigo
- 20g de fermento biológico seco
- 6 colheres (sopa) de açúcar
- 1 colher (sopa) rasa de sal
- 500 ml de leite morno
- 4 colheres (sopa) de manteiga derretida
- 2 ovos inteiros
- 1 gema de ovo para pincelar

Modo de fazer:

Numa tigela, dissolva o fermento com leite e açúcar. Acrescente a manteiga e os ovos a essa mistura líquida. Adicione o sal e misture bem. Em seguida, acrescente a farinha aos poucos até dar o ponto de desgrudar das mãos. Para fazer menos bagunça, recomendo que você faça essa etapa numa bacia até que a massa não esteja mais líquida. Depois disso, pode transferi-la para a sua superfície de trabalho (uma mesa ou bancada bem lisa) limpa e enfarinhada. Cubra a massa pronta com um plástico de cozinha ou com um pano de prato úmido e deixe-a descansar.

Depois que a massa tiver crescido até dobrar de volume, trabalhe-a novamente, socando-a até que o ar saia de dentro dela. Modele os pãezinhos e deixe que eles cresçam novamente até dobrarem de volume. Pincele-os com gema e asse-os em uma forma untada e enfarinhada, em forno pré-aquecido a 220°C, por 40 minutos ou até que fiquem dourados

Quantidade: 20 pães pequenos, em média.

Tempo de preparo: 2h.

* Receita original do site Receita de Pão.

sábado, 5 de junho de 2010

Um macarrão para chamar de meu.


Essa é uma das raras receitas que é totalmente minha. Criei ela há alguns anos atrás e ela continua sendo uma das minhas favoritas no quesito "massas". Adoro esse prato porque, além de ser delicioso, é simples e leve... Nada de molhos muito elaborados ou carnes que te deixam se sentindo pesado e com depressão pós-janta. Os ingredientes são aqueles que todo mundo tem em casa e o segredo é revelado no modo de fazer. Apesar dessa receita não ter tempero nenhum, o sabor é incrível... Vai saber, né? Só sei que adoro.

Ingredientes:
- 3 tomates grandes
- 1 cebola média
- 1 dente de alho
- 3 colheres (sopa) de margarina
- 3 colheres (sopa) de azeite
- meio pacote de macarrão
- sal a gosto
- queijo parmesão ralado

Modo de fazer:
Coloque água, 1 colher de azeite e 1 pitada de sal em uma panela grande. Mantenha ela em fogo alto até que a água ferva. Quando isso acontecer, acrescente o macarrão. Paralelamente a isso, pique a cebola e o alho. Frite-os em uma outra panela com o restante do azeite até que fiquem dourados (cerca de 2 minutos). Adicione na panela os tomates cortados em cubos e deixe fritar até que se desmanchem (cerca de 5 minutos). Se for necessário, baixe o fogo para não queimar. Importante: não adicione água no molho, o segredo dessa receita está na fritura desses vegetais. Prove o molho e acrescente a quantidade de sal que achar necessário. Quando a massa estiver al dente, escorra a água e misture-a no molho, juntamente com a margarina. Prove novamente o sal e se for necessário, faça o devido ajuste. Polvilhe com queijo parmesão ralado e sirva em seguida.

Quantidade: serve 2 pessoas.

Tempo de preparo: 30 minutos.


sexta-feira, 4 de junho de 2010

Croutons


Outro dia estava afim de comer algo crocante para acompanhar a sopa e resolvi inventar. O pão caseiro velho - aquele que está duro e desacreditado - transformou-se nos sofisticados croutons. Minha família adorou a invenção e eu mais ainda, porque, além de ser um petisco delicioso, é muito simples e rápido de fazer. Também é mais saboroso e barato do que aqueles comprados no supermercado. Pode ser servido para acompanhar sopas, cremes e saladas. E se você quiser inovar, sirva como aperitivo para um bom jantar italiano.

Ingredientes:
- cerca de 3 colheres (sopa) de óleo de oliva
- sal, orégano e manjericão a gosto
- pão caseiro de preferência velho, porque a massa está mais dura e assim, os croutons ficam mais crocantes. Se você não tiver pão caseiro, faça com pão de sanduíche, porém, ressalto que com o caseiro fica melhor. Com pão integral ainda não testei, mas duvido que fiquei ruim.

Modo de fazer:
Corte a casca do pão e descarte. Com o miolo que sobrou, faça cortes em formato de cubos (de 1 a 2cm). Coloque isso em uma forma de alumínio e derrame sobre os cubos o óleo, o sal, o manjericão e o orégano. Misture tudo com uma colher e coloque no forno para assar em 180ºC durante 5 minutos. Retire a forma, mexa com uma colher os cubos e coloque novamente no forno para assar por mais 5 minutos. Prove, os cubos... Estão crocantes? Caso não, deixe mais um pouco no forno. Caso sim, sirva imediatamente.

Quantidade: depende de quanto pão você tiver.

Tempo de preparo: 15 minutos.

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Massa com Bacon e Repolho


Sábado passado eu estava assistindo o programa do Jamie Oliver no GNT e resolvi experimentar uma das receitas que ele estava fazendo. Então, anotei os ingredientes e assisti o passo-a-passo... E a receita deu certo. A massa ficou muito boa, no entanto, tenho que confessar que existem receitas de massa melhores do que essa. De qualquer forma, caso você esteja afim de experimentar algo diferente, fica a sugestão dessa massa com bacon e repolho.

Ingredientes:
- 250g de bacon picado
- meio pacote de massa penne (o Jamie usou a farfalle, mas eu prefiri a penne)
- 6 folhas grandes de repolho picado bem pino
- 1 dente de alho picado
- 25g de queijo parmesão ralado
- 25g de queijo mussarela ralado
- 2 colheres (sopa) de manteiga
- 1 colher (sopa) de azeite
- sal a gosto

Modo de fazer:
Cozinhe a massa em água fervente com um pouco de sal e o azeite. Enquanto isso, frite o bacon com a manteiga por 3 minutos. Acrescente o alho e frite por mais 1 minuto. Coloque o repolho e frite mais 3 minutos. Quando a massa estiver quase al dente (de uma olhada do verso do pacote para saber quanto tempo ela precisa cozinhar), reserve uma concha da água da massa, e escorra o restante. Misture a massa e água que sobrou no molho de bacon e repolho e cozinhe por mais 2 minutos. Adicione o queijo parmesão e ralado, misture tudo e sirva em seguida.

Quantidade: serve 2 pessoas.

Tempo de preparo: 40 minutos.

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Heremitas de Açúcar e Especiarias

Mas que diabos é heremitas? Resolvi investigar e por isso, testei essa receita no final de semana. Resultado: heremitas = cookies = biscoitos. Verbalizações encontradas na experimentação da receita: "hummm", "filha, ficou muito bom", "vou levar alguns desses para comer no escritório amanhã", "deixa um pouco da massa para eu comer de colher".  O mais interessante é que enquanto os biscoitos (prefiro chamar assim) estão assando no forno, o cheiro das especiarias invade o ambiente e abre o apetite. É uma ótima receita, principalmente para quem gosta de canela e uva-passa. 

Recomendo leite gelado ou um bom café preto para acompanhar. E, também, sugiro que você sirva-os quente, logo que saem do forno... Pode comer que isso não dá dor de barriga. Eu sou a prova viva de que isso é mito: comi bolo quente a minha vida inteira tomando água gelada e nunca senti dor. O sabor de qualquer bolo ou biscoito é infinitamente melhor quando está quente, porque a massa derrete na boca como um legítimo "manjar dos deuses". Mas, enfim, essa escolha é com você ; )

Ingredientes:
- 3/4 xícara de manteiga
- 1 xícara de açúcar mascavo
- 2 ovos
- 3/4 colher de chá de bicarbonato de sódio
- 1 colher de sopa de água quente
- 2 1/2 xícaras de farinha de trigo
- 1/2 colher de chá de sal
- 1 colher de chá de canela em pó
- 1/4 colher de chá ou uma pitada de noz moscada
- 1/4 colher de chá ou uma pitada de cravo em pó
- 1 xícara de uva-passa

Modo de fazer:
Bata em creme a manteiga e o açúcar. Bata com os ovos, bicarbonato e a água. Misture os ingredientes restantes. Coloque com uma colher de sopa, colheradas de massa numa forma de biscoitos untada deixando um espaço de 5cm entre elas. Asse em forno pré-aquecido a 180ºC por 10-20 minutos.

Quantidade: em média 20 unidades.

Tempo de preparo: 45min.

* Receita original do livro "Cozinha Extraordinária".

domingo, 23 de maio de 2010

Lasanha do Popaye

















Vi essa receita no site do Terra semana passada, fiz alguns ajustes e testei ela em casa... Ficou surpreendentemente deliciosa. Mais uma receita vegetariana que se auto-sustenta e exclui o acompanhamento de carnes. Além disso, ela te deixa bem fortão, que nem o Popaye.


Ingredientes:

- massa fresca para lasanha
- 1 maço de espinafre
- 1 maço pequeno de cebolinha verde
- 6 folhas frescas de manjericão
- 1 litro de Molho Bechamel
- 4 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
- 150 g de mussarela

Molho Bechamel
- 3 xícaras (chá) de leite
- 1 dente de alho
- 1 pitada de noz-moscada
- 1 cebola fatiada
- 4 colheres (sopa) de manteiga
- 5 colheres (sopa) de farinha de trigo
- sal a gosto


Modo de fazer:

Lave o espinafre, escorra e enxugue. Em seguida, pique-a com a cebolinha verde e algumas folhas de manjericão, igualmente lavadas e enxugadas. Misture tudo com o Molho Bechamel e o queijo parmesão e reserve e leve ao fogo baixo por 2 minutos. Unte com manteiga um refratário e distribua no fundo algumas colheres do molho bechamel. Cubra com fatias de massa e complete com outra camada de bechamel. Distribua por cima as fatias de mussarela e prossiga com as camadas, terminando com o molho bechamel e com o restante do queijo parmesão polvilhado por cima do molho. Leve ao forno em 180º e deixe cozinhar até que a superfície da lasanha esteja dourada.

Molho Bechamel: leve ao fogo uma panela com 2 xícaras (chá) de leite, 1 dente de alho, 1 pitada de noz-moscada e 1 cebola fatiada até ferver. Reduza o fogo e cozinhe por mais 1 minuto. Em seguida, passe a mistura por uma peneira e reserve. Derreta 4 colheres (sopa) de manteiga em uma panela e depois acrescente a mistura que foi recentemente passada na peneira. Abaixe o fogo e deixe ferver. Enquanto isso, coloque em uma xícara a farinha e dissolva-a no restante do leite, até que mistura fica bem homogênea. Acrescente isso na panela do molho e mexa sem parar, até que o molho engrosse (isso deve demorar uns 3 minutos). Retire do fogo e acerte o sal.

Quantidade: serve 2 pessoas.

Tempo de preparo: 1h.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Macarrão com Massa de Lasanha


















Outro dia estava em uma livraria e ao folhear um dos livros do Jamie Oliver, detive-me nessa receita leve e vegetariana. Decorei alguns ingredientes e o modo de fazer e testei o prato em casa. Gostei do resultado, principalmente porque a massa de lasanha cortada em tiras irregulares dá um ar de massa feita em casa. Além disso, os tomates cereja explodem na boca dando um sabor único a cada garfada.

Ingredientes:
- 1 pacote de massa fresca para lasanha
- 1 xícara de farinha
- 4 colheres de sopa de margarina
- 1 colher de sopa de azeite
- 2 dentes de alho picado
- uma caixa de tomate cereja (aqueles que são em formato de bolinha pequena)
- sal, pimenta e manjericão fresco a gosto

Modo de fazer:

Molho
Derreta a manteiga em uma outra panela e na sequência frite o alho até que ele fique dourado. Acrescente o tomate, lavado e cortado ao meio e deixe fritar por cerca de 5 min. Tempere com sal e pimenta a gosto.

Massa
Ferva água em uma panela grande. Enquanto isso, passe a farinha dos dois lados de cada folha de massa de lasanha fresca. Depois coloque novamente uma folha de massa em cima da outra e faça um rolo. Corte a massa em fatias de 2cm e após misture todas as fatias, não deixando que nenhuma fique grudada na outra. Coloque a massa na água fervente e acrescente o azeite e uma pitada de sal. Assim que a massa cozinhar (cerca de 3min, ela cozinha muito rápido), desligue o fogo, escorra a água e misture-a, imediatamente, no molho. Antes de servir, acrescente o queijo parmesão ralado e o manjericão. Para acompanhar, sugiro um bom vinho e a boa água mineral sem gás e insubstituível.

Quantidade: 2 pessoas.

Tempo de preparo: 20min.

Receita baseada no livro "A Itália de Jamie Oliver".

sábado, 15 de maio de 2010

Bolo Prestígio


















Esse bolo que é uma verdadeira tentação tem como protagonista uma cobertura simplesmente ma-ra-vi-lho-sa... Daquelas que dá vontade de comer de colher.

Ingredientes:

Massa
- 1 pacote de fermento
- 2 xícaras de farinha
- 2 ovos
- 1 xícara de leite morno
- 1/2 xícara de margarina sem sal
- 1/2 xícara de açúcar
- 1 xícara de chocolate em pó
- margarina sem sal extra para untar a forma

Cobertura
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de leite
- 4 gemas
- 1 vidro pequeno de leite de coco
- 1 pacote de coco ralado

Modo de fazer:

Bata a gema de ovo com açúcar e a margarina. Depois acrescente a farinha, o chocolate em pó, o leite e misture até que a massa consistente. Bata as claras separadamente em um prato até que elas fiquem bem branquinhas e acrescente elas e o fermento na mistura da massa do bolo, mexendo levemente para o fermento não perder seu efeito. Unte uma forma com margarina e coloque a massa do bolo. Leve ao forno por cerca de 30min, em 180º.

Enquanto isso, você pode preparar a cobertura do bolo. Bata o leite e as gemas. Acrescente o leite, o leite de coco e o coco ralado e misture. Leve ao fogo em banho-maria mexendo sempre até obter consistência (cerca de 30 minutos). Quando o bolo estiver assado, basta espalhar por cima deve a cobertura.

Tempo de preparo: 1h30.

Quantidade: 20 pedaços.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Massa Vegetariana de Panela de Pressão


















Gostei tanto dessa coisa de cozinhar em panela de pressão que fiz outra receita usando esse utensílio. Essa versão de massa é mais leve, porque não utilizei carne moída. Na verdade eu não sou muito fã de carnes no geral e só  não virei vegetariana ainda por comodismo. Outra diferença dessa receita e da outra que fiz utilizando a panela de pressão é a massa. Dessa vez usei uma caseira (dessas que a gente compra no mercado) e adorei o resultado. Além de muito rápido, a cocção na panela de pressão faz os ingredientes ficarem mais incorporados e deixa o creme de leite com uma textura única.

Ingredientes:
- meio pacote de queijo parmesão ralado
- 1 pacote de massa caseira tipo penne
- 500 ml de água
- 1 lata de creme de leite
- 5 colheres de sopa de molho de tomate pronto
- 1 cebola picada
- 1 dente de alho picado
- 2 colheres de sopa de azeite
- sal, pimenta e manjericão a gosto

Modo de fazer:
Refogue em uma panela de pressão a cebola o alho com o azeite. Quando estiver bem frita, junte o molho de tomate, o creme de leite, a água e o macarrão. Feche a pressão e quando o pino começar a fazer aquele "chiado" clássico, DIMINUA O FOGO e marque 6 minutos. Atenção: a massa caseira geralmente demora mais para cozinhar do que a comum. Se você fizer essa receita utilizando a massa comum, o que o Jamie Oliver chama de massa seca, o tempo de cozimento reduz pela metade.

Apague o fogo, esfrie a panela. Acrescente pimenta e manjericão a gosto. Prove a massa, ela está cozida? Caso não estiver, feche novamente a panela e leve ao fogo baixo por mais 1 ou 2 minutos. Quando ela estiver pronta, acrescente o queijo parmesão ralado e o sal  e misture bem (cuidado nessa etapa, porque o queijo já é salgado). A massa está pronta para ser servida e a sugestão de acompanhando é a sempre bem-vinda salada verde.

Quantidade: serve 6 pessoas.

Tempo de preparo: 15min.

sábado, 8 de maio de 2010

Cassata
















Essa é uma das minhas sobremesas favoritas e é relativamente fácil de fazer. A consistência dela é de sorvete, por isso, é mais indicada para os dias quentes.

Ingredientes:

- 1 lata de leite condensado
- 2 latas de leite
- 4 gemas
- 2 colheres de maisena
- 3 claras
- 3 colheres de açúcar
- 1 lata de creme de leite
- 8 colheres de chocolate em pó
- 1/2 copo de água


Modo de fazer:

Etapa 1 (fazendo o 1º creme):
Misture com a batedeira o leite condensado, as 4 gemas e o leite durante 3 min. Dissolva a maisena em um copo com um pouco de leite (mais ou menos 6 colheres) e misture no creme feito anteriormente. Coloque tudo isso em uma panela e leve ao fogo alto por 10 minutos, mexendo sem parar, até que o creme fique com consistência de iogurte. Deixe esfriar. Atenção, só vá para a próxima etapa quando o creme estiver totalmente frio, caso contrário, a receita "desanda", como diz minha mãe.

Etapa 2 (fazendo o 2º creme):
Em outro recipiente use a batedeira para bater as claras até que elas fiquem cheias de bolinhas de ar. Misture o açúcar e bata novamente por 1min. Adicione o creme de leite e misture devagar com uma colher até que todos os ingredientes incorporem-se.

Etapa 3:
Misture com uma colher o primeiro creme (que deve estar frio) com o segundo creme. Pegue uma forma de pudim e espalhe em toda ela o chocolate em pó misturado com a água. Feito isso, adicione o creme final na forma de pudim e coloque-o no congelador até que a sobremesa fique com a consistência de sorvete (esse processo pode demorar de 1h a 4h, dependendo da potência do seu congelador).

Etapa 4:
Derrame por fora da forma um pouco de água quente para que o sorvete desgrude dela. Depois vire a forma de pudim de cabeça para baixo em um refratário. A sobremesa está pronta e deve ser mantida no congelador.

Quantidade: 12 porções.

Tempo de preparo: 2h.

* Receita da mama.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Sopa Camponesa
















Descobri uma receita nova de sopa. Ela é bem cremosa e perfeita pro inverno que está por vir. Só não me perguntem o porquê do nome "Sopa Camponesa", porque eu não vou saber responder, já que não fui eu quem o inventou. Mas, pensando bem, até que essa sopa tem cara de "Canponesa". Juro que toda vez que olho para a foto desse prato imagino a Bela Adormecida (na época que ela ainda era chamada de Rosa e morava no campo) cozinhando no chalé fumegante das tias Flora, Fauna e Primavera...














Nossa, fui longe e fico impressionada no poder que a Disney teve sobre minha infância. Mas chega de devaneios, vamos cozinhar!

Ingredientes:
- 1/2 kilo de mandioca, aipim ou macaxeira
- 2 colheres de sopa de manteiga
- 1 cebola picada
- 2 dentes de alho picado
- 1 tablete de caldo de galinha
- 2 batatas médias sem casca e picadas (tipo quadradinho)
- 2 espigas de milho picado ou uma lata de milho verde
- 1 linguiça colonial cortada em rodelas
- 1 copo de leite
- 1 punhado de salsa e cebolinha picado
- manjericão, pimenta e sal a gosto

Modo de fazer:
Cozinhe a mandioca em uma panela com água até que ela fique bem macia. Quando ela estiver pronta, triture-a no liquidificador com um copo de água e reserve. Aproveite a água quente que sobrou na panela e dissolva o caldo de galinha. Derreta a manteiga numa outra panela e refogue a cebola, o alho e a linguiça. Acrescente o caldo de galinha, o purê de mandioca e a batata e deixe cozinhar. Quando a batata estiver macia, junte o milho verde e a linguiça. Prove e tempere com sal e pimenta a gosto. Depois adicione o leite e deixe aquecer novamente. Sirva em seguida acrescentando por cima da sopa a salsa, cebolinha e manjericão. 

Quantidade: serve 4 pessoas.

Tempo de preparo: 1h.

* Receita original do livro "Sopas Especiais".

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Macarrão de Panela de Pressão


















Demorei tanto tempo para postar outra receita porque tentei fazer um pão enrolado com chocolate do livro do Jamie Oliver e, definitivamente, não deu certo. A massa não cresceu e até agora não consigo entender qual foi o meu erro. Com isso, fiquei alguns dias frustrada e sem vontade de me aventurar novamente na cozinha. Bom, isso foi até hoje.

Justificativas a parte, revigorei meu ânimo ao experimentar essa nova receita de macarrão. Ela é rápida e simples de fazer e deliciosa de comer. Eu que pensava que panela de pressão servia só para fazer feijão e pinhão, renovei minha percepção acerca desse utensílio.

Ingredientes:
- 500 g de carne moída
- queijo parmesão ralado para polvilhar
- 1 pacote de macarrão parafuso
- 500 ml de água
- 1 lata de creme de leite
- 1 lata de molho de tomate pronto
- cebola
- óleo

Modo de fazer:
Refogue a carne com óleo e cebola. Quando estiver bem frita, junte o molho de tomate, o creme de leite, a água e o macarrão. Feche a pressão e quando o pino começar a funcionar, diminua o fogo e marque 3 minutos. Apague o fogo, esfrie a panela. Está pronto. Se preferir, sirva com queijo parmesão ralado.

Quantidade: serve 6 pessoas.

Tempo de preparo: 15min.

* Receita original do site "Muito Mais Receitas".

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Sopão da Mama


















Quando eu morava sozinha em Porto Alegre costumava fazer essa receita e congelar o que sobrava para comer durante a semana. Assim, quando eu chegava em casa às 23h (depois da facu) totalmente cansada e faminta, a sopa salvava a noite. Bastava esquentar ela no microondas para ter a garantia de dormir quentinha e bem nutrida. É uma ótima opção para as noites frias ou para evitar resfriados. A receita abaixo foi elaborada pela minha mãe e é um sucesso entre a família... Quem defende a idéia de que "sopa é coisa de doente", vai mudar de opinião ao provar essa delícia repleta de sabor e personalidade.

Ingredientes:
- 2 cebolas médias
- 3 tomates médios
- 1 dente de alho
- 1 cenoura
- 4 pedaços grandes de aipim
- meia abóbora (aquela da casca verde)
- 1 maço de espinafre
- 4 espigas de milho verde
- 400g de carne de gado (pode ser as sobras do churrasco ou músculo. Se você pedir para o açougueiro carne para sopa, também serve)
- sal e pimenta a gosto
- 3 colheres (sopa) de azeite

Modo de fazer:

Frite por 10min a carne em uma panela grande com o azeite, o sal e a pimenta. Acrescente água e deixe a carne cozinhando por cerca de 30min para que ela fique bem macia e seu sabor incorpore na sopa. Conforme o caldo vai evaporando, acrescente mais água. Adicione o aipim e deixe cozinhar por mais 30min. Enquanto isso, bata no liquidificador com um pouco de água a cebola, o alho, o tomate, a cenoura e a abóbora descascada. Talvez seja necessário cortar em pedaços grandes alguns desses ingredientes para que o liquidificador não tranque.

Depois que o aipim estiver cozido, acrescente na panela os ingredientes triturados e deixe ferver por 30 minutos. Enquanto isso, tire o aipim da panela, triture-o no liquidificador e coloque a mistura novamente na panela. Isso vai fazer com que a sopa fique ainda mais cremosa. Retire também da panela a carne, corte-a em pedaços pequenos e adicione novamente na panela. Por fim, pique o milho verde e o espinafre e deixe ferver por mais 5 minutos. Prove e adicione mais sal e pimenta se for necessário. Depois disso, a sopa está pronta para ser servida de preferência com pão e vinho para acompanhar.

Quantidade: 12 porções.

Tempo de preparo: 1h30.

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Salada para o Happy Hour?


















O semana foi quente e estressante e você e seus amigos decidem fazer um Happy Hour para relaxar depois do trabalho. Você convida todos para irem na sua casa, porém, não sabe o que preparar para celebrar a noite... E agora, José?

Eu te sugiro descartar aqueles salgadinhos repletos de gordura e totalmente previsíveis e substituir por uma saladinha (é isso mesmo, salada). Essa receita é sofisticada, totalmente light e supreendentemente deliciosa. E tem mais, o grão de trigo, além de muito nutritivo, produz uma sensação de saciedade.

Para acompanhar, eu recomendo fortemente essa bebida. Todos sairão da sua casa no brilho da champagne, bem alimentados e leves. Até mesmo quem não gosta de salada aprovará essa receita. Um exemplo disso é meu cachorro, o Dengo, que não fez cara feia nem para o grão de trigo e nem para a ricota.


















Ingredientes:
- 2 tomates picados
- 1 cebola picada
- 1 molho de salsinha e cebolinha picado
- meia ricota picada
- 250g de peito de frango
- 1 xícara de trigo em grão*
- 1 pitada de alecrim
- 1 colher de óleo de oliva
- sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:
Corte e jogue fora as gordurinhas e a pele do frango (essa parte é meio chatinha e nojenta, então o ideal é que o frango seja bem magro para que você possa pular essa etapa).  Tempere o frango com sal, pimenta e alecrim e deixe-o descansar por 30min. Coloque-o em uma panela com um pouco de água e deixe ferver por 20 ou até que toda a água evapore. Enquanto isso, em outra panela, ferva o trigo em grão por 30min. Depois de 20min, experimente o frango, se ele estiver cozido, tire-o do fogo e deixe-o esfriar. Após o tempo de cozimento do trigo em grão, jogue fora a água que sobrou na panela e deixe o trigo esfriar.

Depois disso, basta desfiar o frango e misturar ele com o trigo em grão, o tomate, a cebola, a ricota, a salsinha, a cebolinha e o óleo de oliva. Prove a salada, pois talvez ela precisa de mais sal. Sugiro que os convidados sirvam a salada usando pequenos potes que podem até ser de sobremesa, para que eles possam comer sem necessidade de mesa. Assim, os convidados ficam a vontade para transitar pela casa e interagir com os outros, enquanto saboreiam essa deliciosa salada.

Tempo de preparo: 1h.

Quantidade: 6 porções.

* Esse ingrediente não é tão fácil de encontrar, então, procure-o em casas de produtos naturais ou em grandes supermercados. Ele também pode ser confundido com cevadinha ou trigo triturado (aquele para fazer tabule). Mas não se deixe enganar, peça "trigo em grão" pois sua textura é única e faz toda a diferença nessa receita.

Champagne com Pêssego




















Essa é minha bebida alcoólica favorita e uma das únicas que ainda me proponho a beber.

Ingredientes:
- 1 lata de pêssego em calda
- 1 garrafa de champagne moscatel ou brut

Modo de fazer:
Bata o pêssego e a sua calda no liquidificador por 2 minutos, ou se preferir, corte o pêssego em pedaços pequenos. Depois basta misturar o pêssego e a calda com a champagne bem gelada. É uma bebida maravilhosa porque a champagne incorpora nos pedaços de pêssego. Perfeito para uma noite quente de verão.

Quantidade: serve 8 taças.

Tempo de preparo: 5min.

* Se você for beber não vai dar uma de machão e sair dirigindo (tenho pavor de gente insegura que usa carro para se auto-afirmar).

domingo, 18 de abril de 2010

Mousse de Maracujá


















Esta receita é muito fácil de fazer e ideal para adoçar e refrescar um dia quente como o de hoje.

Ingredientes:
- meia garrafa de suco concentrado de maracujá (eu costumo usar o Maguary)
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite sem soro

Modo de Fazer:
Misture todos os ingredientes e bata no liquidificador por 2min. Coloque a mistura em uma travessa ou em pequenas taças e deixe na geladeira por 2h.

Tempo de preparo: 5min.

Quantidade: 8 porções.

* Receita da Tia Tere.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Frango e Macarrão com Cerveja















Eu faço parte do clube dos 3 brasileiros que não gostam de cerveja, mas tenho que admitir que nessa receita a cerveja cai muito bem. O frango fica ótimo, mas é o macarrão que é o protagonista. Devido à cerveja, o macarrão fica com um sabor único e realmente muito leve. Se você preferir um aspecto mais corado tanto no frango quanto no macarrão, pode usar cerveja preta ao invés da comum.

Ingredientes:
- 1 pacote de macarrão
- 1 lata de cerveja comum
- 500g de coxa e/ou peito de frango
- 1 pacote de queijo mussarela ralado
- 1 colher (sopa) de azeite
- meio maço de salsa e cebolinha picado
- sal, pimenta e alecrim a gosto

Modo de fazer:
Tempere o frango com sal, pimenta e alecrim e deixe descansar por 1h. Feito isso, coloque-o em uma forma e despeje a lata de cerveja por cima. Leve ao forno em 200º por cerca de 40min ou até que metade da cerveja evapore. Feito isso, retire com uma concha a cerveja do frango e reserve. Leve o frango novamente ao forno com um papel alumínio tapando a forma, para que ele fique bem dourado. Cozinhe o macarrão em uma panela com água, sal e azeite até que ele fique al dente (veja instruções no rótulo da massa que você estiver usando). Escorra a água do macarrão e misture na panela a cerveja. Prove a massa, pois talvez você tenha que adicionar mais sal. Coloque o frango e a massa em uma travessa e decore com o queijo ralado, salsa e cebolinha.

Tempo de preparo: 1h30

Quantidade: serve 4 pessoas.

domingo, 11 de abril de 2010

Ninho de Abelha














Quando eu morava em Porto Alegre eu morria de vontade de comer Ninho de Abelha, mas não encontrava em lugar nenhum para vender. Foi então que descobri que esse é um doce tipicamente alemão, por isso que eu encontrava ele para vender só em Santa Cruz do Sul (minha terra-natal, colonizada pelos alemães).  Então, resolvi pesquisar a receita na internet e colocar a mão na massa, literalmente... E o Ninho de Abelha ficou melhor que o da padaria.

A massa é macia e levemente adocicada. A cobertura deslisa pelo relevo dos rolinhos, molhando a massa por dentro e fazendo com que cada mordida seja única Uma ótima opção  para o café da manhã ou para um chá no final da tarde. E tem mais, o que sobrar você pode colocar na geladeira ou até mesmo congelar e quando for comer, aquecer no microondas... Fica melhor do que o Ninho de Abelha feito no dia. Só faço uma ressalva: reserve bastante tempo para fazer essa receita, pois ela tem várias etapas e mais o tempo de crescimento da massa.

Ingredientes:

Massa
- 3 ovos
- 1 pitada de sal
- 8 colheres (sopa) de açúcar
- 3 xícaras de leite morno
- 2 colheres rasas de fermento de pão
- farinha até dar ponto de amassar

Recheio
- 1 pacote de coco ralado
-  açúcar
 - margarina

Cobertura
- 1 pote de nata
- 5 colheres (sopa) de açúcar

Modo de fazer:
Coloque em uma vasilha os ovos, sal, açúcar, leite, fermento e farinha e amasse até a massa ficar lisa como a de pão. Deixar descansar por 30 minutos ou até dobrar de volume. Divida a massa em 4 partes. Estique a massa com o rolo, como se formasse um rocambole. Passe na massa já esticada margarina, por cima jogue o coco ralado e polvilhe açúcar. Enrole e corte como fatias de rocambole. Coloque numa forma untada com margarina. Deixe crescer novamente até dobrar de volume. Asse em forno até que fiquem dourados. Desligue o fogo e faça uma misture de nata com açúcar e passe sobre os ninhos.

Quantidade: 70 porções... Você pode distribuir para os vizinhos, familiares, amigos e ainda vai sobrar! Se você morar em uma ilha, odiar sua família e não tiver amigos, você pode diminuir os ingredientes pela metade e ainda assim, ficar com 35 ninhos só para você, seu egoísta.

Tempo de preparo: 2h30.

* Receita original do site Tudo Gostoso.

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Torta de Bolacha de Café e Doce de Leite


















Se você quer impressionar a sogra em um almoço de domingo, mas sofre de falta de tempo e/ou vontade, essa receita é perfeita. Ela é muito rápida e prática de fazer... Mas pela aparência e pelo sabor, todos vão achar que você acordou cedinho no domingo para preparar essa deliciosa sobremesa.

Ingredientes:
- um pacote de bolacha maria
- 1 pote de nata
- 1 pote de doce de leite
- 2 xícaras grandes de café preto frio

Modo de fazer:
Misture a nata e o doce de leite em um pote - isso pode ser feito com a colher mesmo. Coloque o café em um prato fundo e molhe as bolachas aos poucos. Pegue um refratário pequeno e vá colocando as bolachas molhadas, uma do lado da outra, até formar a primeira camada. Feito isso, espalhe sobre a primeira camada de bolachas um pouco do creme feito com o doce de leite e a nata. Repita esse procedimento até que acabe o creme. Se você quiser caprichar no visual, raspe um pouco de chocolate preto por cima da torta. Pronto! A sobremesa já pode ser saboreada. A nata ameniza o gosto açucarado do doce de leite e o gostinho de café no final de cada garfada fecha com chave de ouro.

Tempo de preparo: 20min.

Quantidade: em média serve 10 porções. Se você tiver muitas bocas para alimentar ou muita gula para saciar, basta dobrar as quantidades de cada ingrediente e escolher um refratário maior.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Risoto de Camarão
















Se eu pudesse escolher uma única receita para que você experimentasse, definitivamente, seria essa. Na minha opinião essa é a melhor receita do blog. E a história dela também é muito peculiar... Faz mais ou menos 2 anos que, por acaso, descobri o melhor restaurante de Porto Alegre (na verdade é o melhor restaurante que já fui na minha vida): o Lorita. Quem me conhece sabe que eu não sou de elogiar tudo e todos, mas o Lorita, realmente, merece um parágrafo no blog.



Além do atendimento excelente, do capricho dedicado a cada prato, da iluminação romântica, da decoração original e da ótima trilha sonora, o bom gosto único dos proprietários transparece em cada detalhe do restaurante. E como se não bastasse tudo isso, o risoto de camarão deles é divino e inigualável - e olha que já comi muito risoto de camarão na minha vida.

Como era de se imaginar, fiquei viciada no risoto do Lorita e automaticamente comecei a ficar cada dia mais pobre. Diante disso, resolvi tentar desvendar os ingredientes do risoto através do meu humilde paladar. O resultado disso vocês podem conferir na receita que segue abaixo. Obviamente, o meu risoto tão ficou tão maravilhoso quanto o risoto do Lorita, mas, modéstia a parte, ficou melhor do que a maioria dos risotos de camarão que se vendem por ai.

Ingredientes:
- 400g de camarão médio (limpo e descascado)
- 400g de arroz arbório
- 1 tablete de caldo de camarão, peixe ou legumes
- 5 colheres (sopa) de manteiga ou margarina
- 50g de queijo parmesão ralado
- 2 taças de vinho branco suave
- 1 cebola grande picada
- 3 dentes de algo picados
- 2 tomates grandes picados
- 3 colheres (sopa) de molho de tomate
- 6 colheres (sopa) de azeite de dendê
- pimenta a gosto
- sal a gosto

Modo de preparo:

Primeiro tempere os camarões com sal, pimenta e 1 dente de alho e reserve em uma travessa. Depois coloque em uma panela 3 colheres de azeite de dendê e frite a cebola e o alho até que eles fiquem dourados. Feito isso, frite os tomates até que se desmanchem. Adicione o arroz, o tablete de caldo e o vinho e deixe ferver até que todo o vinho evapore. Acrescente a pimenta e o extrato de tomate e mexa. Depois coloque, aos poucos, água quente na panela e deixe que evapore até que o arroz esteja pronto - isso leva em torno de 15min. Por fim, acrescente a manteiga e o queijo, mexa bem e prove o sal (talvez você tenha que adicionar mais sal, porque o vinho suave deixa o risoto mais adocicado). Desligue o fogo e tampe a panela.

Em outra panela, aqueça 3 colheres de azeite de dendê e adicione aos poucos os camarões. ATENÇÃO: o tempo e a forma de cozimento dos camarões é muito importante para que eles não fiquem duros, não percam o sabor e não diminuam de tamanho... Por isso, antes de colocar os camarões na panela para fritar, certifique-se que eles estejam bem secos, porque eles costumam soltar um líquido transparente quando parados por muito tempo. Caso isso aconteça, despeje esse líquido no lixo ou na pia antes de fritar os camarões. Outra dica importante é sempre fritar os camarões em fogo alto e por no máximo 3 minutos.

Quando todos os camarões estiverem fritos, misture-os no arroz e sirva imediatamente. Duas sugestões para a apresentação do prato: A primeira é pingar uma gota de azeite de dendê no prato e por cima disso servir o risoto. O azeite vai se espalhar para as bordas do risoto deixando o visual bonito e o sabor ainda mais incrível. A segunda sugestão é, antes de misturar os camarões com o arroz, selecionar os camarões mais bonitos para colocar em cima do risoto junto com uma folha de manjericão fresca ou um ramo de cebolinha verde.

Tempo de preparo: 1h30.

Quantidade: serve 4 pessoas.

terça-feira, 30 de março de 2010

Canapés Monte Cristo














Quer inovar no "sanduba", no pestisco do final da tarde ou no café da manhã? Prove essa receita que tem nome requintado, mas é muito simples de fazer.

Ingredientes:
- 16 fatias de pão branco tipo sanduíche
- 8 fatias de presunto
- 8 fatias de queijo mussarela
- 4 ovos
- 1/4 de xícara de creme de leite
- 1/4 de xícara de manteiga

Modo de fazer:
Retire a casca do pão. Monte cada sanduíche com 2 fatias de pão, uma fatia de presunto e uma de queijo. Corte cada sanduíche em 4 partes e na diagonal. Misture os ovos com o creme de leite e passe os sanduíches na mistura. Derreta a manteiga em pequenas porções numa frigideira e frite os pedaços de sanduíche na manteiga até dourar dos dois lados. Sirva imediatamente, bem quente.

Tempo de preparo: 20min.

Quantidade: 32 canapés.

* Receita original do livro "Cozinha Extraordinária".

domingo, 28 de março de 2010

Pão do Oliver



Essa receita é perfeita para um domingo chuvoso como o de hoje.

Ingredientes:
- 30g de fermento
- 30g de mel ou açúcar
- 300ml de água morna
- 1kg de farinha de trigo
- 30g de sal
- um pouco de farinha extra para polvilhar

Modo de fazer:

Etapa 1:
Dissolva o fermento e o mel (ou açúcar) em metade de água morna.

Etapa 2:
Em uma superfície limpa faça um monte com a farinha e o sal. Faça um buraco no centro e despeje toda a mistura do fermento dissolvido. Com 4 dedos de uma mão faça movimentos circulares, partindo do centro para a parte exterior, trazendo lentamente cada vez mais farinha até que a mistura de fermento fique saturada. Despeje, então, a outra metade de água morna no centro e incorpore gradualmente toda a farinha para fazer uma massa umedecida.

Etapa 3:
Sovar! Essa é a melhor parte, apenas enrole, empurre e dobre a massa várias vezes por 5min. Isso desenvolve a estrutura da massa e o glúten. Se a massa grudar em suas mãos, apenas esfregue-as com um pouco de farinha extra.

Etapa 4:
Passe a farinha nas duas mãos e polvilhe levemente o topo da passa. Deixe-a com um formato circular e acomode-a em uma assadeira. Faça talhos profundos na massa com uma faca. Deixe que ela cresça até dobrar de tamanho. O ideal é que você tenha um lugar morno, com umidade e longe de correntes de ar para que a massa cresça bem rapidamente. Pode ser perto do fogão, dentro de um armário aberto ou em quarto aquecido, por exemplo. E você pode cobrir a massa com filme plástico se quiser acelerar as coisas. Esse processo de crescimento melhora o sabor e a textura da massa que deve levar aproximadamente 40min, dependendo das condições.

Etapa 5:
Depois que a massa tiver dobrado de tamanho, você precisará amassá-la por cerca de 1min a fim de retirar todo ar dela. Em seguida modele a massa no formato que quiser e deixe crescer pela segunda vez até que ela tenha dobrado de tamanho de novo. Nesse ponto, o mais importante é não perder a confiança. Não fique com vontade de pular etapas agora, porque é este segundo momento de crescimento que dá aquela textura macia e delicada que todos nós amamos em pão fresco.

Etapa 6:
É hora de assar o pão. Depois de todo o trabalho duro, não desperdice os seus esforços. Você precisa manter todo o ar dentro do pão, portanto, não bata dele. Coloque-o cuidadosamente dentro do forno e feche a porta sem bater. Asse o pão em 180°. Você pode saber quando ele está pronto dando uma batidinha na base. Se Fizer um som oco, está cozido, do contrário, coloque-o rapidamente no forno para um pouco mais de tempo. Acomode o pão em uma estante e deixe-o esfriar.

Tempo de praparo: 2h30

Quantidade: essa receita rende 2 pães BEM grandes. Se você quiser fazer menos, basta reduzir a quantidade de cada ingrediente pela metade.

* Receita original do livro "Jamie Oliver - O Retorno do Chef sem Mistério".

Risoto de Camarão e Ervilha com Manjericão e Hortelã



















Adoro camarão e adoro risotos. Mas o melhor dessa receita, na minha opinião, é o gosto adocicado da ervilha e o gosto refrescante da hortelã... Perfeito para o verão!

Ingredientes:

- 1 litro de caldo de peixe ou camarão
- 1 colher de azeite
- 2 cebolas médias picadas
- 2 dentes de alho picados
- ½ cabeça de salsão
- 400g de arroz para risoto
- 2 taças de vinho branco seco
- sal e pimenta a gosto
- 100g de manteiga
- 3 punhados de ervilhas frescas
- 450g de camarão limpos e descascados
- 1 punhado de manjericão fresco picado
- ½ punhado de hortelã fresca picada
- suco de 1 limão


Modo de fazer:

Etapa 1:
Esquente o caldo. Em uma panela separada, aqueça o azeite, adicione a cebola, o alho e o salsão. Refogue por cerca de 4 min. Quando os vegetais estiverem tenros, acrescente o arroz e aumente o fogo.

Etapa 2:
Neste ponto, o arroz começará a fritar, portanto, mexa lentamente com uma colher. Depois de 1min, ele ficará levemente translúcido. Adicione o vinho e continue a mexer – o aroma será fantástico! O sabor forte de álcool irá evaporar, deixando o arroz com uma essência deliciosa. Em outra panela, frite metade das ervilhas com 30g de manteiga e um pouco de caldo. Cozinhe até que fique tenras.

Etapa 3:
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz, acrescente a primeira concha de caldo quente e uma boa pitada de sal. Abaixe o fogo até uma fervura leve para que o exterior do arroz não fique cozinho muito rapidamente. Continue a adicionar conchas de caldo, misturando e quase massageando o creme desprendido pelo arroz. Espere que cada concha seja absorvida antes de entornar a próxima. Isso levará uns 15 min. Experimente o arroz – está cozido? Continue a acrescentar o caldo até que o arroz esteja tenro com uma leve consistência. Não se esqueça de ajustar o tempero cuidadosamente. Adicione ao arroz as ervilhas e os camarões e cozinhe em fogo brando por 2 min.

Etapa 4:
Retire a panela do fogo e adicione o restante da manteiga. Misture delicadamente. Coloque uma tampa na panela e deixe descansar por 2 – 3 minutos. Está é a parte mais importante ao se preparar um risoto, já que é quando ele ficará absurdamente cremoso como deve ser. Misture as ervas frescas, esprema o suco de limão e regue com um bom azeite. Coma o mais rápido possível, enquanto o risoto conservar a sua textura perfeita.


Tempo de preparo: 1h.

Quantidade: serve 6 pessoas.
 
* Receita original do livro "Jamie Oliver - O Retorno do Chef sem Mistérios".

Risoto de Bacon e Radicchio





Eu sei que o aspecto desse risoto não é tão atraente, mas o sabor compensa, pode ter certeza.

Ingredientes:
- 1 litro de caldo de legumes
- 2 colheres de azeite
- 2 cebolas médias picadas
- 2 dentes de alho picados
- ½ cabeça de salsão
- 400g de arroz para risoto
- 3 taças de vinho tinto seco
- sal e pimenta a gosto
- 100g de manteiga
- 120g de queijo parmesão ralado
- 10 tiras de bacon defumado, cortado em fatias bem finas
- 2 cabeças de radicchio, aparadas e cortadas em fatias bem finas
- 1 punhado de alecrim fresco


Modo de fazer:

Etapa 1:
Esquente o caldo. Em uma panela separada, aqueça o azeite, adicione a cebola, o alho e o salsão. Refogue por cerca de 4 min. Quando os vegetais estiverem tenros, acrescente o arroz e aumente o fogo.

Etapa 2:
Neste ponto, o arroz começará a fritar, portanto, mexa lentamente com uma colher. Depois de 1min, ele ficará levemente translúcido. Adicione o vinho e continue a mexer – o aroma será fantástico! O sabor forte de álcool irá evaporar, deixando o arroz com uma essência deliciosa.

Em outra panela frite o bacon com ou pouco de azeite até que fique ligeiramente dourado. Depois adicione o radicchio e o alecrim com 30g de manteiga e cozinhe em fogo brando com a panela tampada até que as folhas murchem.

Etapa 3:
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz, acrescente a primeira concha de caldo quente e uma boa pitada de sal. Acrescente também o bacom, o radicchio e o alecrim. Abaixe o fogo até uma fervura leve para que o exterior do arroz não fique cozinho muito rapidamente. Continue a adicionar conchas de caldo, misturando e quase massageando o creme desprendido pelo arroz. Espere que cada concha seja absorvida antes de entornar a próxima. Isso levará uns 15 min. Experimente o arroz – está cozido? Continue a acrescentar o caldo até que o arroz esteja tenro com uma leve consistência. Não se esqueça de ajustar o tempero cuidadosamente.

Etapa 4:
Retire a panela do fogo e adicione o restante da manteiga e o parmesão. Misture delicadamente. Coloque uma tampa na panela e deixe descansar por 2 – 3 minutos. Está é a parte mais importante ao se preparar um risoto, já que é quando ele ficará absurdamente cremoso como deve ser. Coma o mais rápido possível, enquanto o risoto conservar a sua textura perfeita.


Tempo de preparo: 1h.

Quantidade: serve 6 pessoas.

* Receita original do livro "Jamie Oliver - O Retorno do Chef sem Mistério"

quinta-feira, 25 de março de 2010

Espaguete com Azeitona e Rúcula

"Receita que vem do Jamie Oliver não pode ser ruim"... Foi com essa certeza que provei essa receita de espaguete. Mesmo sem gostar de rúcula e azeitona, sou apaixonada por essa receita. Além de ser simples de fazer, é uma ótima opção para uma refeição leve e vegetariana.

Ingredientes:
- óleo de oliva
- 1 dente de alho
- 1 pimenta pequena
- 3 punhados de tomate picados grosseiramente
- 1 punhado de azeitona esmagada e sem caroço
- 450 gramas de espaguete
- sal e pimenta do reino a gosto
- 3 punhados de rúcula picada grosseiramente

Modo de fazer:

Aqueça a frigideira, adicione 2 fios de óleo de oliva e frite o alho e a pimenta por 30 segundos antes de acrescentar os tomates e as azeitonas. Misture tudo e deixe cozinhar por mais 4 - 6 minutos. Enquanto isso, cozinhe o espaguete em água fervente salgada até ficar al dente. Os tomates irão se transformar em um molho encorporado adorável com alguns pedaços inteiros. Misture e coloque sobre a massa escorrida. Tempere a gosto.

Adicione a rúcula picada, misture rapidamente e sirva a seguir em uma travessa. Não perca tempo - coloque na mesa, deixe que as pessoas se sirvam e arrume uma salada verde bacana, um pouco de pão e vinho. Adorável, fantástico.

Tempo de preparo: 30min.

Quantidade: serve 4 pessoas.

* Receita do livro "Jamie Oliver - O Retorno do Chef sem Mistérios".


Massa com Bacon















Ingredientes:
- 2 xícaras de massa
- 200g de bacon
- 1 colher (sopa) de margarina
- 1 cebola média
- 1 dente de alho
- 1 espiga de milho
- meia lata de requeijão
- 50g de queijo parmesão
- 3 fatias de queijo lanche ou mussarela
- salsa e cebolinha a gosto
- sal a gosto

Modo de fazer:
- Ferva a massa em uma panela com água. Enquanto isso, prepare o molho. Corte o bacon em pedaços pequenos e frite na margarina. Depois acrescente na panela a cebola, o alho e o milho picado e deixe cozinhar por 2min. Acrescente o requeijão, o queijo parmesão e o lanche, mexa por 1 min e desligue o fogo. Quando a massa estiver pronta, misture ela no molho e coloque por cima dela salsa e cebolinha a gosto.

Tempo de preparo: 30min.

Quantidade: serve 2 pessoas.

quarta-feira, 24 de março de 2010

Miojo da Madrugada

















Acredito que a maioria dos amantes da madrugada, como eu, vão concordar com o seguinte: depois da meia-noite, conforme as horas vão passando, a fome vai aumentando. E eu falo daquela fome que não é saciada com um simples sanduíche... Fome de COMIDA. Essa é uma das minhas receitas favoritas para as noites em claro porque ela é rápida, prática e muito saborosa.

Ingredientes:
- 1 pacote de miojo (de preferência sabor queijo)
- 1 linguiça colonial
- 1 espiga de milho verde
- 1 colher (sopa) de margarina

Modo de fazer:
Tire e jogue fora aquela pele que envolve a linguiça e corte a carne que sobrou em pequenos pedaços. Leve ao fogo junto com a margarina e frite até dourar. Acrescente na panela o milho picado e frite por mais 2min. Enquanto isso, em outra panela cozinhe a passa miojo. Quando ela estiver pronta, basta misturar com a linguiça e o milho. Você vai se surpreender.

Tempo de preparo: 10min.

Quantidade: serve 1 pessoa.

Sagu Cremoso



Ingredientes:
- 1 caixa de sagu de framboesa
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite

Modo de fazer:
Ferva o sagu e o pó de framboesa em uma panela com água, conforme instruções da caixa. Depois que o sague estiver pronto, acrescente a ele o leite condensado e o creme de leite e misture bem. Coloque na geladeira e depois de 2h ele estará pronto para comer. Para uma apresentação mais caprichada, coloque o sagu em tacinhas de vidro e decore com pétalas de hortelã.

Tempo de preparo: 45min.

Quantidade: 10 taças.

Pipoca Doce


_
Ingredientes:
- pipocas
- azeite
- 10 colheres (sopa) de açúcar
- 4 colheres (sopa) de chocolate em pó
- 2 colheres (sopa) de água

Modo de fazer:
Coloque o azeite e as pipocas em uma panela e deixe no fogo até elas estourem. Depois coloque os demais ingredientes em outra panela e deixe ferver até que a calda engrosse e fique consistente. Após isso, derrame essa calda sobre as pipocas. Se você preferir, ainda pode adicionar leite condensado e/ou coco-ralado nas pipocas.

Tempo de preparo: 15min.

Quantidade: serve 2 pessoas.

Bolinho de Chuva


Sabe aquelas tardes frias e chuvosas em que dá vontade de ficar embaixo do edredon vendo Sessão da Tarde? Essa receita é perfeita para esses dias!

Ingredientes:
- 2 ovos
- 2 colheres de açúcar
- 2 xícaras de farinha
- 1 xícara de leite morno
- 1 colher (sopa) de fermento
- azeite para fritar

Modo de fazer:
Bata todos os ingredientes e por fim acrescente o fermento e mexa devagar. Quando o azeite estiver aquecido na frigideira, coloque um pouco da massa em uma colher e despeje no azeite, formando bolinhas. Repita esse procedimento até que a massa termine. Quando os bolinhos estiverem fritos, se preverir, você pode derramar em cima deles açúcar e canela em pó a gosto.

Tempo de preparo: 1h

Quantidade: serve 5 pessoas.